Você sabia que Vivian Maier só foi reconhecida após sua morte?


Texto: Carolina Engler.

25 de novembro de 2020.

Fotografia de Vivian Maier. Mulher se fotografa no reflexo de uma vitrine.

Nascia 1926, na cidade de Nova York, Vivian Maier. Filha de pai austríaco e mãe francesa, produziu abundantemente entre os anos 50 e 80 do século XX, mas seu trabalho só foi reconhecido em 2009, após a sua morte.


Vivian trabalhou como babá por mais de 40 anos e, acredita-se que escolheu essa profissão pela liberdade de movimentação pela cidade que lhe permitia. É comum a vermos acompanhada de uma criança em seus autorretratos, bem como os depoimentos dos que a conheceram relatam o fato dela estar sempre acompanhada da câmera. Produziu mais de uma centena de negativos e filmes, sendo que um conjunto de negativos não revelados foi descoberto em 2007 por John Maloof.


O historiador reconheceu o valor artístico do material e ficou obcecado tentando descobrir quem era Vivian Maier. O processo de pesquisa para descobrir quem era a artista e conhecer melhor seu trabalho é relatado no documentário produzido pelo próprio Maloof e chamado A fotografia oculta de Vivian Maier (pode ser conferido na Globoplay ou na Netflix). Recomendo fortemente o documentário! É possível através dos depoimentos que o compõe construir uma imagem desse personalidade enigmática que fotografou sistematicamente Nova Iorque, Los Angeles e Chicago, além de suas viagens a Manila, Bangkok, Pequim, Egito e Itália.


Espero que tenha gostado do post, um abraço e até mais!

Carol

24 visualizações2 comentários

Posts recentes

Ver tudo